Última Matéria

Porque você deveria começar a vender produtos pelo Instagram

Hoje em dia, o Instagram conta com mais de 1.000 milhões de usuários ativos em todo o mundo. É, sem dúvida, um grande canal de vendas para as marcas que desejam dar a conhecer os seus produtos.

Com a função de Instagram Shopping, as marcas têm a possibilidade de usar a sua conta do Instagram como uma vitrine virtual para expor seus produtos com etiquetas de preços e redirecionar os seguidores diretamente à sua loja online.

Antes de contar quais são estes requisitos, é importante compreender a relevância do Instagram como uma oportunidade de venda para todos os negócios on-line. Um dado interessante em relação a isso é que 50% das visitas que recebem as lojas a partir de uma nuvem vêm de uma rede social como o Instagram ou Facebook!

As visitas em um e-commerce são essenciais para gerar vendas, e a rede mais poderosa para conseguir isso, hoje é o Instagram. Por isso, é fundamental não só que esteja presente nele, mas que lhe dedique o tempo e esforço necessários para aproveitar todo o seu potencial.

Instagram pode ajudar a gerar mais tráfego para sua loja online e alcançar uma maior presença nas redes sociais, e isso pode se traduzir em um aumento em suas transações!Além disso, e muito importante, 1 de cada 4 vendas concretadas entre as lojas Nuvem são sessões iniciadas a partir de alguma rede social, sendo a principal Instagram.

Há um ano e meio atrás, Facebook representava 80% das vendas, mas Instagram está crescendo mês a mês e, hoje, 60% das vendas chegam através dessa rede ( e menos de 40% via Facebook). Não restam dúvidas de que o Instagram é a rede social do momento.

Agora sim, então, te contamos quais são os requisitos para que você possa começar a vender no Instagram. Não deixe de compreender essa rede social e tirar o máximo de proveito para ter sempre vendas garantidas!

Vale a pena começar a revender avon?

A Avon é sinônimo de donas de casa e mães que ficam em casa vendendo cosméticos e perfumes diretamente para suas amigas e vizinhas. No passado ela já foi a líder no setor de vendas por catálogos, mas depois da sua venda para a Natura – e muito antes disso – perdeu mercado para os concorrentes. Agora, antes de fazer o primeiro pedido Avon as consultoras em busca de um trabalho independente têm muitas mais oportunidades abertas, para além dos cosméticos e da marca.

A história da Avon e a atual situação da empresa

O famoso anúncio de televisão “Ding dong, a Avon Calling“, (Ding dong, a Avon chama) que foi usado desde 1954 até 1967, foi uma das campanhas publicitárias mais longas e de maior sucesso na história e incrustou-se a marca da cultura norte-americana e britânica.

Em 1990, o diretor Tim Burton usou a imagem saudável de a vendedora de Avon para contrastara com um herói gótico em seu filme “O jovem mãos de tesoura”.Se autodenomina como a “companhia de mulheres” e apoia projetos de luta contra o câncer de mama e a violência doméstica.

A venda direta continua a ser uma opção popular para muitas pessoas que cuidam de crianças ou de que precisam para trabalhar no meio de outras obrigações.

A maioria dos representantes de vendas são mulheres, apenas 5% são homens, aproximadamente.

Para se tornar uma revendedora Avon, você tem que pagar uma taxa inicial um pouco mais de R$ 180,00 para receber 20 folhetos e ordens de encomenda e os demais detalhes para conseguir iniciar as primeiras vendas com amostras grátis e revistas impressas.

Nos últimos anos, a Avon tem enfrentado dificuldades, na medida em que o mundo de vendas de produtos de beleza está sempre voltado para a internet.

O relançamento em 2014 avon.com foi a primeira reestruturação da página web em 10 anos.Mas as redes sociais desempenham um papel importante na forma em que seus representantes trabalham agora. Enquanto o “porta a porta” continuará fazendo parte das táticas da Avon, a empresa tem uma presença cada vez maior na internet.